quarta-feira, 11 de Agosto de 2010

OVOS

A associação de ideias é uma constante das nossas vidas, ao ler no blogue da Manuela um post sobre as colecções que alguns de nós vamos fazendo ao longo dos anos, recordei as minhas e enumerei algumas, entre elas os meus ovos de Fabergé e ao pensar neles lembrei-me de um edifício em Londres parecido com um deles.

Tirei esta fotografia quando lá estive pela Páscoa, fotografei o edifício a partir da margem direita do rio Tamisa, perto do Teatro de William Shakespeare, sobre o qual já escrevi. Não faço ideia que edifício é e também não tive oportunidade de perguntar, se alguém souber por favor diga.

Quantos aos Ovos de Fabergé da minha colecção ei-los:

São IMITAÇÕES como não podia deixar de ser.


Os Ovos Fabergé são obras-primas da joalharia e foram desenhados e construídos por Peter Carl Fabergé para os czares russos. O primeiro data de 1885, para dar resposta a uma encomenda feita pelo czar Alexandre III para oferecer a sua esposa pela Páscoa.
Para que serviam?
Eram presentes dados pelos czares aos membros da família imperial, na época pascoal, transportando no seu interior (eles são caixas) prendas …
Os verdadeiros são de esmalte, metais e pedras preciosas e são disputados em todo o mundo por vários coleccionadores, valem fortunas.

Haverá por aí uma fada madrinha que transforme os meus ovinhos em verdadeiros para eu não ser acusada de coleccionar futilidades … e para me ajudar a combater a crise?

32 comentários:

  1. Ainda que não sejam verdadeiros são realmente bonitos e fazem as vezes dos outros mais caros.

    ResponderEliminar
  2. Querida Maria Teresa, podem não ser verdadeiros, mas que é uma colecção lindíssima, não deixa de ser verdade. Adorei!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Olá Maria Teresa.
    Em relação ao prédio em forma de ovo, trata-se do Edifício Gherkin. Também conhecido como "o pickle", porque para além da forma óbvia, gherkin é um género de pepino em calda, os denominados pickles.
    Há uma outra torre semelhante, e que costumam ser comparadas, a Torre Agbar de Barcelona, igualmente bonita.

    Em relação aos seus ovos, que colecção bonita tem. E se não disser a ninguém... passam por genuínos. ;-)

    ResponderEliminar
  4. Adorei passar e ver tanta beleza. Os ovinhos são Mágicos e acabei de chegar de Praga e è bom ver tanta beleza..
    Um beijo e poesia



    O ARTISTA



    O artista pinta...
    Põe a poesia em tudo que toca
    O desenhar e o pintar...
    São realmente o seu saber amar...

    E é essa poesia...
    Que faz o artista viver...
    Que o faz ser feliz
    E o faz sentir amado...

    É entre tintas e pincéis...
    Que ele consegue amar...
    E que transmite os seus anseios.
    Num bocado de pano ou de tela...

    E tudo fica marcado...
    Num bocado de tinta...
    E entre cores e cores...
    O artista sente-se amado!...

    LILI LARANJO

    ResponderEliminar
  5. Maria Teresa, é linda tua coleção! Eu tenho só um. Mas se tu encontrares a tal fada, por favor me avise, de repente meu unzinho, pode ser promovido. Que tal hein, rsrs? Bjssssss

    ResponderEliminar
  6. Coleções são sempre preciosas mariateresa
    achei lindos os ovos de Fabergé.Desconhecia essa história, devo ter lido algo sobre Peter Carl, mas nao recordava mais.
    obrigada pelo carinho de sempre,
    abraços

    ResponderEliminar
  7. Mesmo não sendo os genuínos provavelmente têm o mesmo ou maior valor para si....
    bjs
    (adorei conhecer estes ovinhos já que atéà data os desconhecia)

    ResponderEliminar
  8. Querido Luís são um prazer para os meus olhos e como estou a ficar menos jovem talvez comece a oferecê-los pela Páscoa aos que me são queridos, será um gesto de czarina...:):):)
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  9. Que saudades de Londres...Estive lá em Maio e já voltava!!!
    E tem uma colecção muito gira!
    Bjs

    ResponderEliminar
  10. Querida Manuela, a fotografia (muito bem tirada por mim, como é privilégio meu???) não dá verdadeiro realce à beleza de alguns deles...tenho que pedir, com muito jeitinho, à minha "fotógrafa privativa" para lhes tirar outra.
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  11. Querido Mike eu tinha quase a certeza que alguém me iria informar sobre o edifício que dá bem nas vistas, muito obrigada. Para além disso, fiquei com pistas para poder saber mais sobre o assunto.
    Quanto aos meus bonitos ovos, faço questão de que todo o mundo saiba que são imitações, não quero ser cobiça de nenhum amigo do alheio:):):)
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  12. Pelo facto de não serem preciosos como os originais, dão menos dores de cabeça, não? E o prazer pela beleza deles deve ser quase equivalente...

    As coisas têm o valor que nós lhes damos.

    Bjokas

    ResponderEliminar
  13. Querida África o seu poema muito a propósito, veio enriquecer o meu texto, muito obrigada!
    Bem-vinda! Bem regressada!
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  14. Querida Marli parece que o rei Midas anda muito afastado das nossas rotas...:):):)
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  15. Querida Lis na Internet pode ver certamente imagens de alguns verdadeiros...
    Eu contento-me com os meus!!!Que remédio!
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  16. Querida Autora nunca suspirei pelos verdadeiros... Em relação aos que são mesmo preciosidades nunca vi nenhum , conheço-o alguns através de fotografias porque fazem parte da História da Rússia.
    Os meus têm a minha História:):):)
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  17. Querido Tio para voltar a Londres estou sempre preparada...por mim tinha hipóteses de ir já amanhã mas a família "prende-me" muito afectivamente. Presentemente, quando viajo tenho cada vez mais, saudades deles e do meu cantinho.
    A solução é levá-los comigo como já fiz no passado, quando eles não tinham compromissos com as famílias que entretanto criaram.
    Estou a ficar sentimentalona e isto é "muito mau":):):)
    Beijnhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  18. Querida Anira é isso exactamente, se fossem verdadeiros andava cheia de medo que me os roubassem ou então tinha-os fechados num cofre, numa caixa forte, como algumas senhoras que conheço fazem com as jóias ... para as usarem têm um trabalhão imenso. Livra!!!!
    Tenho bastantes "futilidades" sem grande valor material mas que para mim não têm preço.
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  19. Cada qual é para o que nasce!
    Tu para coleccionares ovos falsos do Fabergé, eu para coleccionar ovos verdadeiros de galinha.
    Ainda hoje, ao levantar-me tinha mais uma dúzia deles, fresquinhos, aqui na varanda.
    Já lá diz o ditado: "a galinha da vizinha é melhor que a minha".
    Estrelados ou mexidos? :-)

    ResponderEliminar
  20. Querido Carapau ovos na varanda? Quem os pôs foi a vizinha?
    Nem uma coisa nem outra de preferência escalfados. "Amanda-os" para cá mas com cuidadinho, não se vão desmanchar:):):)
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  21. Seja réplica ou verdadeiro, uma colecção tem sempre uma estima de grande valor, independentemente do seu valor monetário.
    Uma colecção é a relação sentimental com o nosso "Ser".
    Deixa-me que te diga que esses teus ovos, são um bonito resultado artístico e acarinham a beleza como os expôes.

    bj...nho

    ResponderEliminar
  22. Ora aí está uma colecção que eu ia adorar fazer!!! Encantam-me!

    Um abraço*

    ResponderEliminar
  23. Querido Sérgio estão mal expostos, deviam ocupar um espaço maior... vistos um a um, cada um deles tem uma beleza diferente. Até as bases de apoio têm pormenores lindíssimossã. Possuo colecções de vários objectos, esta é talvez a mais vistosa e mais bela em termos artísticos.
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  24. Querida Maria que eu visito pouco, vou mais à progenitora, eles na realidade são uma futilidade muito bonita, artística até. A fotografia não mostra os seus pormenores.
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  25. O edifício de Londres de que falas (e que já sabes o que é) vê-se de muitos locais da cidade; talvez o sítio de que mais gostei de o apreciar foi nas proximidades da Torre de Londres, pela diferença de arquitecturas.
    Mas a Londres que está a crescer para esses lados e onde está a se construída a cidade olímpica, é magnífica e bem merece uma visita: é a Londres do futuro!
    Os teus ovos são "quase" tão bonitos como os meus pinguins, ehehehe...

    ResponderEliminar
  26. São belíssimos estes ovos. Tenho alguns em casa mas- como é evidente- também são todos de 2contrafacção.

    ResponderEliminar
  27. Querido Pinguim fiquei cheia de curiosidade... coleccionas pinguins?
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  28. Querido Carlos é um homem de bom gosto!:):):)
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  29. Não vai ser fada alguma que efectuando intervenção nos teus ovos (....quer dizer) na tua colecção, que vai resolver a crise. Goza a tua (!) colecção e mais nada.
    Eu já tive essa pancada de ser coleccionador...de cxs de fósforos, postais, bilhetes de espectáculo, contas de restaurante onde entrava pela primeira vez, moedas, notas, selos, pacotes de açucar (vazios!) enfim...

    Hoje colecciono simplesmente DIAS, de preferência com sol, com paz, boa companhia, sossego, amor e um sorriso.

    Beijinhos ;):)

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  30. Querido Aflores eu já deixei de fazer colecções, faço como tu vou coleccionando dias e espero que, tanto para ti como para mim, essa colecção vá aumentando bastante não só em quantidade, mas também em qualidade com paz, saúde, amor e um dinheirito para os "gastos"...:):):)
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  31. Olá
    Onde poderei adquirir ovos como esses em portucal..
    muit obrigado. (jmlfrutuoso@gmail.com)
    JF

    ResponderEliminar
  32. Olá Maria Teresa, sou do Brasil. No meu Facebook tenho amigos de Guimarães. Linda, a sua coleção. Adoro Fabergé! Depois, venha conheçar o meu blog literário, http://ilusoriorelogiodavida.blogspot.com.br/ . No meu blog, também disponho de uma matéria sobre Fabergé. Um abraço, e parabéns pelo blog. Mário Pimentel de Castro Filho. Ass: Mário PC.

    ResponderEliminar