sexta-feira, 20 de agosto de 2010

DOÇURA OU DIABRURA XL

As horas passam no seu perene caminhar, rápidas ou lentas, elas esvaem-se sem lhes conseguirmos fugir.
Horas tranquilas em que, sem me preocupar com elas, medito, leio, escrevo, escuto e sinto amor a invadir o meu espaço…
Mas vivo em equilíbrio e isso significa que horas menos tranquilas, menos desejadas, apossam-se de mim, vivo-as como é preciso vivê-las, procuro enfrentá-las com a serenidade e a racionalidade possíveis, nem sempre o consigo! Estas revezam-se com as outras suas irmãs, netas do senhor das longas barbas brancas que muito venero, senhor que povoa cada vez mais os meus sonhos…


LABIRINTO DE SENTIMENTOS

Ignorar-te seria pouco
Quanto amar-te fosse demais,
De detestar-te fosse demasiado
Desejar-te seria absurdo.

Não sei se ódio ou amor, enfim
É um querer e não querer,
Um sentimento que não sinto
Um verdadeiro labirinto,

Até poderia chamar-lhe amor,
Mas o teu beijo já não é igual
Vindo de ti, só resta a dor,
Talvez tivesse chegado o final

A tua canção não me encanta,
O teu toque não me seduz
As tuas palavras, essas sim
Despertam algo em mim

O tal sentimento
Que por mais que tente não entendo,
Se ódio, se amor…

Nicole Valentino, in Poiesis (vol.XV)


E NESTE FIM-DE-SEMANA É ALTURA DE SE FAZER ALGO DIFERENTE… PUXEM PELA VOSSA IMAGINAÇÃO…E APROVEITEM-NO EM PLENO!
PARTAM PARA ELE, COM OS MEUS BEIJINHOS EMBRULHADOS! DEDICADOS ESPECIALMENTE A TI! SIM... A TI!

24 comentários:

  1. Aquele abraço doce e quente!!!
    Com muita saudade e carinho
    Sairaf

    ResponderEliminar
  2. Querida Sairaf muito obrigada! As saudades são recíprocas! Quando se iniciar o Outono a minha disponibilidade deve ser mais "maleável"...
    Beijinhos embrulhados para si (leia abracinhos:):):))!

    ResponderEliminar
  3. Stop, STOP, stop já ao que se adivinha, ao que se subentende.
    Horas menos tranquilas? Talvez! Mas, por muito que nos doa, elas fazem parte do todo que é a nossa vida.
    Há algo planeado, de muito agradável, para este fim-de-semana? Força! Há sol, há o Magoito, há o cheiro a maresia, há tanta coisa...
    Beijinho SEM embrulho.

    ResponderEliminar
  4. Querida Teresa sou uma menina muito obediente...já stopei!:):):)
    Fim-de-semana planeado mas não ao pormenor... deixo ao sabor do momento esses pedacinhos que me tranquilizam, que trazem açúcar à minha vida!:):):)
    Beijinhos (des)embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  5. Eu até tinha umas "imaginações" para o fim de semana mas sabes como é, aos sábados gaivotas não voam, então vou ver o Sócrates que vem cá à terra. Nem é por nada é que quero ver se a tintura do cabelo está em perfeito estado. É que o grisalho fica-lhe mesmo a matar. hehehe

    beijos Maria Teresa.

    ResponderEliminar
  6. Querida Pitanga, marotas das gaivotas que não "passeiam" ao fim-de-semana!:):):)
    Se tivesse barbas grisalhas...era outra conversa!
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  7. Bastante sintetizado
    Bom final de semana!
    =)

    ResponderEliminar
  8. oa bem recebe aquele beijo ternurento doce e húmido em plena bochecha. e fica-te com ele até ao próximo fim de semana .guarda. olha que estes nao tens todosos dias. kis :) BFSemana.

    ResponderEliminar
  9. Olá MARIA TERESA
    Muito obrigado mais uma vez pelas suas palavras e pelo sábio conselho.
    Tentarei aproveitar bem as horas deste fim de semana, se possível a fotografar.
    Bjs
    G.J.

    ResponderEliminar
  10. Querida Juliana mas com tudo o que é essencial.
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  11. Querida Avogi, a avó mais divertida que eu conheço, estás a enviar um beijinho da tua neta?Doce, ternurento, húmido e peganhento será? Aceito com muito carinho...:):):)
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  12. Querido Gaspar bem acompanhado pela sua máquina, mas sem descurar os outros amores da sua vida espero:):):)
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  13. *
    Gostei do li,
    mas não tolero
    os fins de semana do verão,
    por isso:

    *
    Desinquieto
    os fins de semana
    na ilusão do horizonte
    filtrando as fantasias
    de magias caprichosas,
    quero ser diferente
    na etérea realidade
    dos iluminados á solta
    da certeza metafísica,
    quero abraçar
    o dimensional sossego
    dos obstáculos mutáveis
    catalogando rituais
    dos abstractos viveres !
    ,
    marés de estima, deixo,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  14. Querido Poeta só posso enviar um humilde agradecimento ao poema que me deixas...
    Mas vou contrariar-te, nem todos os fins-de-semana de Verão são com os descreves ....
    Eu abraço um sossego "indimensional"...porque assim escolhi!
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  15. As circunstâncias não permitem que o meu fds seja muito diferente dos últimos. Entre o hospital e o meu Rochedo, esperando ouvir a notícia há meses anunciada.
    Bom fds

    ResponderEliminar
  16. Maria Teresa, desejo-lhe um fim-de-semana ao sabor dos seus quereres, mas o mais feliz, possível!
    Beijinhos, minha querida.

    ResponderEliminar
  17. Beijinhos recebidos ... e virtualmente saboreados...

    Do real ao virtual... vai uma distância abissal!

    Contudo a intenção é que conta!

    1 beijão!!!

    ResponderEliminar
  18. Querido Carlos deixou-me um pouco apreensiva, que se passa com as suas idas ao hospital, é a sua mãe?
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  19. Querida Manuela os fins-de-semana para mim, como sabe, estendem-se por todos os dias em termos de liberdade de uso de tempos, têm uma ligeira diferença, aqueles de quem gosto de usufruir a presença é que estão mais livres...
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  20. Querido Rouxinol tocou com muita graça, num ponto que já foi razão para uma seguidora se "desinscrever", acusou-me de cinismo estar a enviar beijinhos a todos e abracinhos quando comento nos vossos espaços.
    Não soube entender como virtualmente se pode enviar uma ternurinha a todos os que nos fazem companhia, não entendeu que com este simples dizer, até se pode brincar com o respeito que todos nos merecem.
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar
  21. Ah! O Senhor das longas barbas brancas!
    Também falo com ele mais vezes do que eu queria...
    Bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  22. Querido Carapau ele é um maroto, caminha mais depressa do que devia...
    Beijinhos embrulhados para ti!

    ResponderEliminar
  23. Volto para ler mais e saber porque gostei tanto!

    Beijinhos
    Não embrulhados :)))


    Na casa do Rau

    ResponderEliminar
  24. Querida Fernanda seja bem-vinda! Desejo que goste mesmo! Obrigada!
    Beijinhos embrulhados para si!

    ResponderEliminar