segunda-feira, 21 de abril de 2014

SOLIDARIEDADE

A Maria é uma atriz portuguesa que foi para o Brasil há uns anos, a vida não lhe correu como tinha programado e ela orgulhosa não quis preocupar quem a ama, mostrava o seu lado otimista encobrindo o seu sofrimento.
Aos poucos e poucos foi ficando em péssimas condições de sobrevivência até que, querendo continuar a viver, deitou fora o orgulho e confessou aos amigos o que lhe ia na alma, um grito pungente, dorido...
Não a conheço pessoalmente mas “li” esse grito, sou dele testemunha e do modo como os amigos se uniram e conseguiram, não muito facilmente, retirar a Maria da “ilha” onde vivia, levando-a para um lugar mais “tranquilo”.
É um caso que me tem perturbado* imenso, neste movimento de solidariedade vejo com muito agrado que ainda há pessoas com uma capacidade enormíssima de se entregarem numa luta contra o tempo, a distância, a dificuldade de comunicação,...
A Maria chega amanhã à noite a Lisboa, num voo da Lufthansa e certamente que terá muitos amigos à sua espera para finalmente a abraçarem!


* De vez em quando tenho dois sonhos, um deles traduz-se na minha estada fora de Portugal e de repente sentir-me perdida, sem dinheiro, sem saber onde estou, sem entender a língua que as pessoas a quem me dirijo falam... O meu acordar é terrifico!

20 comentários:

  1. A situação dessa atriz é triste e que bom será recebida de volta, pelos amigos... Quanto aos sonhos, sensação triste neles,.não? beijos,linda semana! chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Chica acordo em pânico,uma sensação brutalmente desagradável, o coração bate descompassadamente, sinto-me perdida, cheia de medo ... o que vale é a rapidez com que desaparece!
      Beijinhos embrulhados para ti!

      Eliminar
  2. É essa capacidade, tão nossa, de dar a mão, de dizer "presente", de ser verdadeiramente solidário quando alguém está em dificuldades - sejam elas quais forem - que me faz sentir orgulho no povo que somos. Têm-nos tirado quase tudo mas não essa forma quase única de estar na vida.
    Compreendo a ângustia que sentes ao pensar numa situação dessas. Quem não sentirá?

    Beijinho sem embrulho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida GL descreveste muito bem o que de certa forma também penso.
      O meu outro sonho recorrente faz-me crer que não acabei o curso, que apresentei habilitações falsas e que tenho que devolver tudo o que ganhei ao estado e com juros ( já o tenho há anos, se fosse agora talvez o entendesse:)).
      Há uns anos falei neles a um psiquiatra ele não valorizou nada!
      Beijinhos embrulhados para ti!

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Querido Tio não os conheço mas são fabulosos, com parcos recursos, sem grande alarido (qb) conseguiram um feito enorme!
      Beijinhos embrulhados para si!

      Eliminar
  4. Acho que sei quem é essa Maria e fico feliz por ela.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Maria sabes sim, o local de informação é o mesmo.
      Ela vem muito fragilizada, admiro o modo como os amigos dela se movimentaram, sem grande alarido, sem grandes recursos, vão conseguir trazê-la!
      Foi por acaso que vi o apelo dela.
      A tua produção vai em força, maravilhosa!
      Beijinhos embrulhados para ti!

      Eliminar
  5. Não sabia do caso da Maria. Ainda bem que os amigos dela a ajudaram.
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Gábi ela fez um apelo público aos amigos e conhecidos mas muito rápido.
      Os amigos dela estão na sua maioria ligados ao teatro, não são muito conhecidos mas são muitíssimo solidários, a que movimentou tudo é maquilhadora adora a Maria e está horrorizada por não se ter apercebido de nada ...
      Beijinhos embrulhados para si!

      Eliminar
  6. Os amigos, os verdadeiros... estão sempre lá! Um beijinho grande Maria ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Buxexinhas acredito que sim!
      Beijinhos embrulhados para si!

      Eliminar
  7. Felizmente ainda há histórias que acabam bem.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querido Carlos e isso faz-me acreditar que nem tudo está perdido.
      Beijinhos embrulhados para si!

      Eliminar
  8. A solidariedade é uma palavra (e um gesto) bonito, mas também é preciso merecê-la.
    Quanto aos sonhos...raramente os tenho, mas também já tive daqueles complicados em que sonhava que tinha faltado a exames, não tinha acabado o curso, não sabia nada de nada (o que não é sonho nenhum...).
    Agora nunca sonhei que tinha "apresentado habilitações falsas" (ganda vigarista!!! :)) e que eu tinha que devolver tudo ao Estado, pois esse Sr. nunca me deu nada.
    Agora vou esforçar-me para ver se consigo sonhar que o Estado me tem de devolver tudo o que me tirou. Acho que até vou já começar a gastar por conta. :)
    Bjo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querido Carapau mais vale tarde do que nunca, o caminho estava tão impedido que nunca mais conseguia chegar até aqui.
      Não conheço a Maria Lisboa mas penso pelo movimento que conseguiu obter que ela merece mesmo.
      Espero que a devolução do Estado daquilo que nos deve não seja sonho :) e que deixe de ser pesadelo.
      Não te excedas nos gastos!!!
      Beijinhos embrulhados para ti!

      Eliminar
  9. Respostas
    1. Querida S* é mesmo!
      Beijinhos embrulhados para si!

      Eliminar